sexta-feira, 2 de julho de 2010

Entrelinhas


"Hás de ter ainda o intenso olhar que me entendia, as curvas amorosas da boca que chamou meu nome, as belas, inquietas mãos que ardiam nas minhas..." (Lya Luft)

Nenhum comentário:

Postar um comentário